Parcerias com instituições policiais


A deputada federal Jô Moraes (PCdoB/MG) acompanhou nesta segunda-feira (17) o presidente do Instituto Brasileiro de Estudo e Pesquisa de Direito Militar, tenente coronel  Murilo Ferreira dos Santos, em audiência com o secretário de Estado de Governo, Odair Cunha, no Palácio da Liberdade, para tratar de apoio institucional e estratégico do Estado para o I Congresso Internacional de Ciências Militares e Prêmio Inbradim de Produção Filosófica e  Científica. Trata-se de eventos voltados à promoção da diversidade da ciência jurídica; do desenvolvimento, da pesquisa, do ensino, da qualificação e capacitação profissional, visando à formação do cidadão, a geração de trabalho e renda, a difusão, promoção e defesa dos direitos individuais, sociais e coletivos. Outro propósito da instituição nestes primeiros anos de existência e atividades é tornar um centro de excelência no conhecimento do Direito, tanto no Brasil quanto perante a comunidade acadêmica internacional. Para tanto, tem como carta de serviços a promoção de estudos e reflexões em sintonia com as principais correntes do pensamento jurídico contemporâneo, explicou seu presidente e fundador Murilo Ferreira.

audliberdade2

Christian Guimarães, Joaquim Miranda, Jô Moraes, Odair Cunha, Murilo Ferreira dos Santos, Carla Fernandes da Cruz e Shirley Kill

Durante a audiência, Jô Moraes aventou a possibilidade de parceria dada a importância do congresso, que contará com representantes de Portugal, Angola, Argentina, entre os países que já confirmaram presença. O secretário deu sinalização positiva e agendou uma nova conversa para a sistematização da parceria.

Polícia Federal

Convidados pela deputada Jô Moraes, também participaram da reunião com o secretário Odair Cunha o vice-presidente do Sindicato dos Policiais Federais no Estado de Minas Gerais (Sinpef/MG), Christian Guimarães, o assessor parlamentar da Associação dos Servidores da Polícia Federal de Minas Gerais (Ansef/MG), Alair Martins, que apresentaram a agenda das entidades de classe dos policiais federais. E ainda, o promotor de Justiça, Joaquim Miranda, a advogada do Inbradim, Carla Fernanda da Cruz,  e a diretora de marketing do instituto,  Shirley Kill.

Fotos: Arquivo parlamentar

Alair Martins, Christian Guimarães, Joaquim Miranda,  Jô Moraes, Odair Cunha,  Murilo Ferreira dos Santos, Carla Fernandes da Cruz e Shirley Kill